Widget Image
Secretarias
18/06/2019
HomeCulturaWorkshop Corpo no Palco está com inscrições abertas

Workshop Corpo no Palco está com inscrições abertas

Estão abertas as inscrições gratuitas para o workshop Corpo no Palco, da SubverCia companhia de teatro, em uma iniciativa via Proac e Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, em parceria com a Secretaria de Cultura e Patrimônio Histórico de Itu. A companhia teatral ministrará o workshop sobre o corpo do ator para a encenação, com base na técnica de preparo corporal do bailarino e coreógrafo brasileiro Klauss Vianna.

O workshop Corpo no Palco ocorre no dia 03 de abril, a partir das 19h, no CEU Jardim Vitória, localizado na Rua Treze de Outubro, s/nº, Jardim Vitória.

Podem participar pessoas com mais de 18 anos, e não é preciso ter conhecimento prévio de teatro, dança ou expressão corporal. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail [email protected], mediante envio de nome completo, RG, número de celular ou telefone fixo e endereço completo. Serão disponibilizadas 30 vagas.

 

Teatro

Além do workshop, na quinta-feira, dia 04 de abril, às 20 horas, também no CEU Jardim, será encenado o espetáculo teatral “Noturno em Mi Menor”, da SubverCia, companhia de teatro sediada em Araraquara.

O espetáculo retrata os últimos dias de uma mulher trans, nascida “Alfredo” e pai biológico de Benjamin, que não aceita a condição transgênero de Daphne, nome social de seu pai.

O conflito se desenrola no quarto de hospital, onde Daphne relembra sua vida ao lado de seu filho, trazendo à tona as dificuldades, o preconceito, o caminho imposto para a marginalidade por se mostrar diferente do que é considerado padrão ou “normal”.

Com forte influência do cinema ativista e pontuado por composições  icônicas como “Noturno em Mi Menor”, de Frederic Chopin e Le Jazz Hot (canção do filme “Victor ou Vitória”), a peça fala sobre a solidão LGBT, muitas vezes presente no próprio núcleo familiar.

A companhia, formada em 2018, tem buscado tratar de questões sensíveis à sociedade desde seu primeiro espetáculo “Antígona Revis(i)tada”. Apresenta trabalho autoral dramatúrgico e já embarca em seu terceiro espetáculo, “Corpo são, mente insana”.