Widget Image
Secretarias
29/11/2022
HomeSaúdeSemana Estadual de Mobilização Contra as Arboviroses tem início no próximo dia 21

Semana Estadual de Mobilização Contra as Arboviroses tem início no próximo dia 21

Foto dos agentes de controle de vetores durante ação de conscientização nas residências

A Semana Estadual de Mobilização Contra as Arboviroses (Dengue, Zika Vírus e Chikungunya) será realizada de 21 a 26 de novembro, com o objetivo de envolver a população na campanha de eliminação de criadouros do mosquito Aedes aegypti em suas respectivas residências, locais de trabalho, no bairro e cidade em que vivem. Em Itu, a Secretaria de Saúde, por meio do serviço municipal de Controle de Vetores, promoverá durante esse período ações de orientação em canais oficiais de comunicação da Prefeitura, além de manter o contínuo trabalho de vistoria a imóveis, esclarecimento de dúvidas e notificação de casos suspeitos à Vigilância Epidemiológica local.

De acordo com o coordenador do serviço de Controle de Vetores da Secretaria Municipal de Saúde, o biólogo Gilberto Lucena, os últimos índices de infestação do Aedes aegypti registrados em Itu estão dentro do aceitável, com tendência de maior preocupação na região do Bairro Alberto Gomes. Nessa região, os agentes de controle de vetores já intensificam as visitas casa a casa e em pontos estratégicos (borracharias e depósitos de materiais inservíveis, por exemplo), além de reforçarem a mensagem da importância de eliminação de criadouros do mosquito.

“O combate às arboviroses é uma união de forças entre Poder Público e população. Itu tem um trabalho ininterrupto ao longo do ano na prevenção e combate às arboviroses, mas a eficácia dessa ação depende da colaboração da população, que deve evitar o surgimento de criadouros do Aedes aegypti, às ações preventivas e aos sinais e sintomas das doenças ocasionadas pelo referido mosquito”, ressalta o biólogo.

Antes mesmo do início da Semana Estadual de Mobilização Contra as Arboviroses, o serviço de Controle de Vetores de Itu desenvolveu atividades em conjunto com síndicos de condomínios instalados na cidade para que eles facilitem o acesso de agentes de vetores nesse período, promoveu mais um treinamento com os agentes visando intensificar ainda mais a atenção nas coletas de larvas do Aedes aegypti, e seguiu com a vistoria casa a casa.