Widget Image
Secretarias
18/09/2020
HomeEducaçãoEmeja forma alunos do Centro de Desenvolvimento do Portador de Deficiência Mental

Emeja forma alunos do Centro de Desenvolvimento do Portador de Deficiência Mental

Na última quinta-feira (05/12), ocorreu a formatura dos alunos da Emeja (Escola Municipal de Educação de Jovens e Adultos)  Vila Martins, localizada no Hospital Estadual Especializado em Reabilitação “Francisco Ribeiro Arantes” (Heerfra).

A sala multiseriada (1º ao 5º ano) que funciona no local, é uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação (SME) e o Cedeme (Centro de Desenvolvimento do Portador de Deficiência Mental), no Programa da Educação Especial Inclusiva.

O prefeito Guilherme Gazzola e o secretário municipal de Educação Walmir Scaravelli prestigiaram a cerimônia que ocorreu  no auditório do local. “Vemos nesses alunos um exemplo de superação, superação dos limites que até pouco tempo eram pensados impossíveis. Na educação vemos essa busca incessante, é um processo lento, trabalhoso, isso é educar e isso tem sido feito aqui, com apoio do Governo do Estado e da Secretaria Municipal de Educação vemos, pelos formandos de hoje, que isso é possível.“, comentou Guilherme.

Também estiveram presentes o diretor de gerência de reabilitação do Heerfra, Cassiano Saviolo; a coordenadora pedagógica da Educação Inclusiva, Dinah Cristina Motta Spina Maron; o diretor da Emeja, Miquéias Soares e a diretora técnica de Saúde – Núcleo de Reabilitação II, Fabiana dos Santos.

Durante a cerimônia foi exibido um vídeo com fotos do fotógrafo Flávio Torres, com imagens das atividades realizadas pelos alunos, além de uma apresentação musical com canções natalinas, preparada pela professora Kelly e pela assistente recreativa Ana Alice em parceria com os alunos. O local foi decorado com atividades desenvolvidas pelos alunos em Oficinas  de Arte no CEU, coordenadas pelo professor Braz Júnior e a artista plástica Pola Fernandez.

Foram sete formandos com idades entre 20 e 56 anos, que estudaram durante quatro semestres dentro da proposta da Educação de Jovens e Adultos – Currículo Adaptado. Os diplomas foram entregues pelas autoridades presentes e pela ex-professora homenageada, Cláudia Marelli.

As aulas no local contam com uma professora da Secretaria Municipal de Educação, uma auxiliar recreativa e assistência terapêutica, oferecidas pelo Cedeme. O Projeto tem como objetivo principal o resgate do exercício da cidadania  e inclusão educacional para os moradores do Cedeme.