Widget Image
Secretarias
26/03/2019
HomeCulturaMostra “Tesouros da Matriz” é aberta ao público

Mostra “Tesouros da Matriz” é aberta ao público

Abertura também contou com lançamento dos cadernos “Patrimônios de Itu”

O prefeito Antonio Tuíze e o vice-prefeito Neto Beluci prestigiaram na noite desta quarta-feira (25/02), na Casa da Praça, a abertura da mostra “Tesouros da Matriz”. Nesta mostra estão  obras descobertas na Igreja Matriz de Nossa Senhora Candelária que estavam escondidas sob camadas de tintas e que foram redescobertas durante o atual processo de restauro pelo qual a igreja está passando.

Os visitantes podem observar fragmentos de imagens feitas pelo padre Jesuíno do Monte Carmelo, um dos mais famosos pintores do período colonial paulista. Estas imagens foram encontradas em tábuas de madeira que protegiam internamente o relógio da fachada da igreja. Retiradas, recuperadas, catalogadas e remontadas, as imagens formam parte de uma cena que os especialistas acreditam ser a Deposição da Cruz. A mostra ficará na Casa da Praça até o dia 02 de agosto.

Mas o restauro da Matriz de Itu não descobriu apenas as pinturas de padre Jesuíno, obras de Mathias Teixeira da Silva e José Patrício também foram redescobertas neste processo.

Isso motivou a Secretaria de Cultura a lançar na mesma noite, os “Cadernos do Patrimônio de Itu”, um registro do acervo artístico e histórico da igreja Matriz, sobretudo com as novas informações reveladas no processo de restauro que está sendo realizado.

Durante o lançamento, houve uma intervenção musical da Schola Cantorum de Itu, formação musical ligada ao Instituto Cultural de Itu (Museu da Música), executando peças musicais do padre Jesuíno do Monte Carmelo.

Entre os presentes, estavam o vereador Olavo Volpato, a secretária de Cultura, Allie Marie Dias de Queiroz, o diretor da Gás natural Fenosa, Armando Laudório, o historiador da USP e integrante do Conselho do Patrimônio Cultural de Itu, professor Dr. Paulo Cesar Garcez Marins, o restaurador e conservador da empresa responsável pelo restauro da Matriz, Júlio Moraes, o historiador do Iphan/SP, professor Carlos Gutierres Cerqueira, o pároco da Matriz de Itu, padre Francisco Rossi, o musicólogo responsável pela revelação da obra musical de padre Jesuíno do Monte Carmelo, Regis Duprat, além de profissionais de artes de expressão nacional, Percival Tirapeli, Danton Sala e José Saia e professores e alunos do curso de História do Ceunsp.

Serviço:

Mostra “Tesouros da Matriz de Itu”
Local: Casa da Praça – Praça Padre Miguel (Largo da Matriz), nº 56, Centro – Itu

Visitação: Terça a domingo, das 10h às 16h

Texto: Daniel Assis de Alcântara

Fotos: Jorge de Souza / Prefeitura de Itu

(26/02/2015)