Widget Image
Secretarias
21/05/2022
HomeSaúdeCirurgias pediátricas são realizadas de forma humanizada no Hospital Municipal

Cirurgias pediátricas são realizadas de forma humanizada no Hospital Municipal

O elevado índice de aprovação do Hospital Municipal de Itu “Dr Emílio Chierighini” foi divulgado recentemente, mas há ainda outro ponto extremamente satisfatório conquistado com a implantação desse equipamento pela gestão do prefeito Guilherme Gazzola: o fim da fila de cirurgias pediátricas que podem ser realizadas pelo município (que são as que não dependem de Unidade de Terapia Intensiva – UTI Pediátrica). Os números são significativos: 590 cirurgias pediátricas realizadas de 2019 a 25 de março de 2022, mesmo com a maior parte desse período correspondendo à pandemia de Covid 19.

E as cirurgias no referido hospital ocorrem, desde 2019, norteadas pelo Projeto Humanização Cirurgia Pediátrica Sem Traumas. Por meio desse projeto, as crianças na faixa etária de 0 a 11 anos e 11 meses internadas e submetidas às cirurgias vivenciam uma experiência diferenciada e inspiradora na área da saúde. Com o objetivo de tornar humanizado, divertido e carinhoso o processo de preparação para a cirurgia, eliminar os traumas e reduzir os impactos psicológicos nas crianças e nos seus respectivos familiares, a equipe do hospital transforma a chegada do paciente ao centro cirúrgico em um momento mais leve.

Tudo começa durante a abordagem lúdica às crianças, com a intenção de criar um cenário de fantasia, a fim de iniciar a viagem ao centro cirúrgico. A recepção dos pacientes é feita pelos técnicos de enfermagem e enfermeiros do centro cirúrgico que usam toucas de tema infantil e adornos de plástico para caracterização, óculos grandes e coloridos, tiaras de bichinhos, entre outros. O trajeto da recepção do centro cirúrgico à sala de cirurgia também chama a atenção, uma vez que é realizado em carrinho de transporte infantil, ou seja, um brinquedo comum no cotidiano das crianças.

Devidamente higienizados, brinquedos de plástico podem ser vistos em pontos estratégicos da sala cirúrgica, inclusive um carrinho de anestesia de plástico (todo o processo de desinfecção após o uso dos brinquedos é seguido à risca, e os mesmos são embalados e identificados com a data da desinfecção). E para incrementar esse clima de fantasia, o oxímetro de pulso se transforma no anel dos poderes pouco antes da cirurgia iniciar naquele ambiente seguro e acolhedor.

Quando as crianças estão acordadas, já na Sala de Recuperação Pós Anestésica, elas são presenteadas com uma Naninha (travesseiro em forma de bichinho com orelhas) doada pelo Projeto Naninhas com Amor. Além disso, as crianças com menos de quatro anos recebem uma bexiga e as demais um Certificado de Coragem. Dessa forma, a equipe do hospital faz com que o espaço dedicado ao brincar seja encarado como parte da estratégia de políticas de enfrentamento à hospitalização infantil para o apoio emocional dessas crianças.


Confira vídeo institucional sobre o Projeto Humanização Cirurgia Pediátrica Sem Traumas: