Widget Image
Secretarias
15/07/2024
HomeNotíciasMaio Amarelo alerta sobre a importância do respeito à vida

Maio Amarelo alerta sobre a importância do respeito à vida

Imagem mostra informações sobre a ação Maio amarelo e dois carros batidos, com pessoas preocupadas.

O movimento internacional de conscientização, conhecido como Maio Amarelo, segue a sua jornada de orientação e prevenção contra acidentes de trânsito. Em âmbito nacional, o Governo Federal, por meio dos Ministérios do Transportes e das Cidades, traz como tema central: “No trânsito, escolha a vida”. A cidade de Itu também adere ao movimento e faz uma ação publicitária com outdoors e nas redes sociais, alertando sobre a importância da responsabilidade no trânsito.

A iniciativa, encabeçada pelo Departamento de Trânsito da Secretaria Municipal de Segurança, Trânsito, Transporte e Mobilidade Urbana e Rural, tem por objetivo motivar reflexões a respeito da segurança no trânsito e, por consequência, o engajamento da população na conscientização para a redução dos acidentes de trânsito.

Medidas simples e eficazes podem ser colocadas em prática para reduzir os acidentes, como utilizar passarelas e faixas de pedestres, respeitar a sinalização, realizar ultrapassagens seguras, não misturar álcool e direção, proteger os mais vulneráveis no trânsito e adotar regras de direção defensiva.

Outros pontos simples de atenção e mudanças de hábito como, por exemplo, prestar atenção à velocidade, usar sempre cinto e equipamentos de segurança, e não utilizar celular (a prática vale tanto para motoristas, como para pedestres em movimento) podem evitar transtornos e até salvar vidas.

Maio Amarelo
O Maio Amarelo é praticado internacionalmente e conta com adesão de 27 países. O movimento envolve órgãos governamentais, empresas, sociedade civil, entidades de classe, academia e associações em campanhas de prevenção de acidentes no trânsito.

O mês de maio é o período de referência mundial para balanço de ações realizadas no mundo todo e, por isso, tornou-se um marco para o movimento. Isso acontece porque a Onu (Organização das Nações Unidas) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito em 11 de maio de 2011.

A meta dessa campanha é salvar vidas e servir de alerta e de conscientização da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito no mundo todos os anos. Mundialmente, 3,5 mil pessoas morrem todos os dias vítimas de sinistros de trânsito, de acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde). Só no Brasil, estima-se que 45 mil pessoas morram todos os anos em sinistros de trânsito, segundo o Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada).