Widget Image
Secretarias
15/04/2024
HomeCulturaItu recebe Oficina sobre Economia Cultural promovida pelo Estado

Itu recebe Oficina sobre Economia Cultural promovida pelo Estado

No dia 15 de março Itu receberá a oficina presencial Como Mapear A Economia Cultural e Criativa de sua Cidade, conduzido por Ana Carla Fonseca, em que gestores, captadores, artistas, agentes e empreendedores culturais e criativos da cidade e região poderão aprender técnicas e ferramentas para a construção de cartografias relacionadas à economia cultural do seu território.

O evento acontecerá das 09h às 12h e das 13h30 às 18h30 no auditório da prefeitura e serão disponibilizadas apenas 20 vagas. As inscrições poderão ser feitas a partir do dia 26 de fevereiro através do link https://forms.gle/MfHrSSZxXz3epXwB9 

Esta é mais uma ação do programa “Itu em Suas Mãos” – um programa de incentivo ao fomento da cultura local, reconhecimento e desenvolvimento socioeconômico dos territórios, gestão e fortalecimento dos laços de parcerias com compromisso e respeito aos grupos do artesão ituano, trazendo acesso a qualificação profissional para geração de renda e fomento do Turismo Cultural, do Patrimônio Criativo e ativação da Economia Criativa local.

O Ciclo de Gestão Cultural (CGC) é uma das iniciativas de Oficinas Culturais, Programa da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo e gerenciado pela OS Poiesis. Neste ano, o CGC conta novamente com a agenda realizada junto com o Centro de Estudos Latino-Americanos sobre Cultura e Comunicação da Universidade de São Paulo (CELACC ECA/USP).

Sobre a oficinaMapear para quê? Partindo do fio condutor de um debate acerca de objetivos e meios de atingi-los, a oficina percorre definições e aplicações de economia da cultura, economia criativa, empreendedorismo criativo, territórios e suas vocações, para, então, chegar à visualização de percursos possíveis de levantamentos, com casos práticos de diferentes contextos, Brasil adentro e mundo afora.

Ana Carla Fonseca é administradora pública, economista, mestre em Administração e doutora em Urbanismo (USP). Fundou, em 2003, a Garimpo de Soluções, consultoria pioneira em economia criativa e desenvolvimento territorial, com atuação em mais de 250 empresas e instituições, incluindo a ONU e o BID. Autora de livros de referência, foi agraciada com o Prêmio Jabuti em Economia (2007) e finalista em Urbanismo (2013) e Economia Criativa (2021). Venceu o Prêmio Claudia, em Negócios (2013), o Prêmio Governador do Estado de São Paulo, em Economia Criativa (2021), e foi apontada pelo El País (2013) como uma das oito personalidades brasileiras que impressionam o mundo