Widget Image
Secretarias
27/05/2024
HomeCulturaFeira Ecoart traz temas sobre TEA e comemoração do Dia dos Povos Indígenas

Feira Ecoart traz temas sobre TEA e comemoração do Dia dos Povos Indígenas

Imagem mostra uma das barracas de artesanato em edição anterior da Feira Ecoart

Nesta edição, serão apresentadas três ações resultantes do Chamamento Público 06/2023, referente à Lei Paulo Gustavo

No dia 14, domingo, das 11h às 17h, o Parque Ecológico do Taboão recebe mais uma edição da Feira mais charmosa de Itu e região, a Ecoart. Na ocasião, serão apresentadas três ações referentes à Lei Paulo Gustavo e que são celebradas em abril: a contação de histórias “Semeando a Inclusão”, do Instituto Eu Incluo, e as oficinas “Cultura Indígena – Aprender e Brincar com o Índio” e “Viva nosso Patrimônio histórico”.

Esta edição também contará com a apresentação musical da Banda Curupira Groove e outras atrações. A Feira promove o encontro de mais de 100 expositores, oferecendo o melhor do artesanato e da gastronomia, disponibilizando aos visitantes um dia de muita alegria e diversão.

A Ecoart é uma ação do programa “Itu em suas mãos”, da Prefeitura de Itu, por meio da Secretaria de Cultura e Patrimônio Histórico, em parceria com as Secretarias de Meio Ambiente e de Turismo, Lazer e Eventos, visando promover o fomento da economia criativa com o artesanato local e regional.

As oficinas são resultantes do Chamamento Público 06/2023 da Secretaria de Cultura e Patrimônio Histórico, referente a Lei Paulo Gustavo – Lei Complementar nº 195 de 08 de Julho de 2022.

Confira a programação (sujeita a alterações):

Feira Ecoart – Artesanato e Gastronomia Criativa – 11h às 17h.

Troca de Livros – 11h às 17h.

Oficina – “Cultura Indígena – Aprender e Brincar com o Índio” com a família Awapateinju – das 11h às 12h.

Oficina – “Viva nosso patrimônio histórico” – das 12h às 13h. (exposição de material artístico e demonstração dos ritmos brasileiros: ciranda, Bumba-meu-boi, Frevo e Forró).

Apresentação musical com a Banda Curupira Groove – das 14h às 16h30.

Contação de História – “Semeando a Inclusão” (Instituto Eu incluo) – das 15h às 16h.