Widget Image
Secretarias
15/07/2024
HomeNotíciasBoletim Dengue – 06/06/24

Boletim Dengue – 06/06/24

Nesta quinta-feira (06/06), a Secretaria Municipal de Saúde de Itu confirma mais dois óbitos por Dengue na cidade, totalizando seis vítimas fatais da doença neste ano.
Os óbitos confirmados em Itu, até a presente data, são:
– Um morador do Itaim, 45 anos, portador de comorbidades, falecido em 13/03;
– Uma moradora da Vila Nova, 94 anos, portadora de comorbidades, falecida em 16/03;
– Um morador da Vila Martins, 45 anos, portador de comorbidades, falecido em 20/04;
– Um morador do Jardim Padre Bento, 62 anos, sem comorbidades, falecido em 09/05;
– Uma moradora do Potiguara, 59 anos, sem comorbidades, falecida em 09/05;
– Um morador do bairro São Jorge, 81 anos, com comorbidades, falecido em 12/05.
A Vigilância Epidemiológica já oficializou a comunicação dos óbitos junto às autoridades estaduais de saúde. O município não conta mais com nenhum óbito em investigação.
CASOS CONFIRMADOS
Na tarde desta quinta-feira (06/06), de acordo com a plataforma do Governo do Estado, dengue.saude.sp.gov.br/dengue, Itu registra 12.639 casos confirmados de Dengue.

TESTE RÁPIDO
A Prefeitura de Itu promove um trabalho de combate à dengue e de monitoramento de pessoas doentes de forma contínua em Itu, sendo uma das poucas cidades da região que utiliza o teste rápido, possibilitando a obtenção de diagnósticos precoces. Com o resultado do exame ficando pronto em poucos minutos, o paciente começa a ser tratado imediatamente e o direcionamento do trabalho de campo dos agentes de vetores ocorre de forma ainda mais rápida. A testagem rápida é realizada em pacientes do 1º ao 3º dia de sintoma. Após esse período, é necessário aguardar o 6º dia para a realização teste IGG/IGM. Caso haja a necessidade de hemograma, o mesmo será providenciado pela unidade, visando o devido acompanhamento do paciente.

CENTRO DE ATENDIMENTO DENGUE
A Secretaria Municipal de Saúde mantém o Centro de Atendimento Dengue, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h, na Unidade Básica de Saúde – UBS 05, localizada na Rua José Lira Filho, 53, Altos da Vila Nova. Pessoas com 12 anos ou mais que apresentarem os sintomas da doença poderão procurar pelo serviço para testagem, medicação e atendimento de enfermagem e médico.

UPA
Além do Centro de Atendimento Dengue, os munícipes também podem procurar por atendimento na Unidade de Pronto Atendimento – UPA 24h, na Avenida Nove de Julho, 691, Nossa Senhora Aparecida, e no Pronto Atendimento Municipal (PAM), na Rua Itagiba Vilassa, s/nº, Vila Martins.

HOSPITAL DA CRIANÇA
Crianças com até 12 anos que apresentarem sintomas da doença devem ser levadas ao Hospital da Criança, que funciona todos os dias durante 24h, na Rua Joaquim Bernardes Borges, 372, Centro.

UBS
As UBS Unidades Básicas de Saúde) também são porta de entrada para o paciente com suspeita de Dengue com sintomas leves. No município, atualmente, são 16 UBS, todas preparadas para avaliar os casos suspeitos e, se necessário, encaminhá-los ao Centro de Atendimento Dengue ou para a UPA, dependendo dos sintomas.

AÇÕES DE COMBATE
O trabalho de combate ao mosquito da Dengue no município de Itu ocorre de forma contínua, por meio de ações que seguem as diretrizes do Plano Nacional de Prevenção e Controle de Arboviroses do Ministério da Saúde. Dentre as práticas estão visitas casa a casa, controle de pontos estratégicos, bloqueio em casos suspeitos e confirmados e controle químico do mosquito.

DECRETOS MUNICIPAIS
Itu dispõe ainda de um Decreto Municipal que permite o acesso dos agentes em localidades em que seja necessária a entrada forçada. A cidade também conta com outro Decreto de autoria do Poder Executivo, que estabeleceu situação de emergência, agilizando e facilitando a aquisição de equipamentos e insumos para combater a doença, assim como possibilita a mobilização de servidores da Saúde em ações contra a Dengue.

SINTOMAS
Os sintomas mais comuns da Dengue são febre, dor de cabeça, fraqueza, dor muscular, dor nas articulações e a dor atrás dos olhos. Em caso de sintomas, a pessoa deve procurar os serviços de Saúde do município

PREVENÇÃO
Prevenir a proliferação do mosquito Aedes Aegypti é a melhor forma de evitar a Dengue. A maior parte dos focos do mosquito está nos domicílios, por isso, além das ações tomadas pela Prefeitura, atitudes da população são importantes no enfrentamento à doença:

– Não deixar água parada, eliminando os locais onde o mosquito nasce e se desenvolve, evitando desta forma a procriação.
– Não acumular água em pratos de vasos de plantas. Colocar areia até a borda do pratinho.
– Não juntar vasilhas e utensílios que possam acumular água (tampinha de garrafa, casca de ovo, latinha, embalagem plástica e de vidro, copo descartável) e guardar garrafas vazias de cabeça para baixo.
– Deixar a tampa do vaso sanitário sempre fechada.
– Limpar frequentemente as calhas e a laje das casas.
– Manter a água da piscina sempre tratada com cloro e limpar uma vez por semana.
– Preservar o quintal limpo, recolhendo o lixo e detritos em volta das casas.
– Não jogar lixo em terrenos baldios, construções e praças.
– Permitir sempre o acesso do agente de combate a endemias em sua residência ou estabelecimento comercial. Ele sempre estará identificado com crachá e uniforme.

Novos boletins sobre a situação da Dengue em Itu serão emitidos diante da confirmação de novos óbitos. O acompanhamento diário dos casos pode ser feito pelos interessados por meio da plataforma do Governo do Estado, dengue.saude.sp.gov.br/dengue.