Widget Image
Secretarias
16/09/2019
HomeEducaçãoVice-prefeito participa de formatura do Proerd na escola Firmino

Vice-prefeito participa de formatura do Proerd na escola Firmino

O vice-prefeito Neto Beluci e a secretária municipal de Educação, Marilda Cortijo participaram na manhã desta sexta-feira (28/06), de mais uma formatura do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência). A cerimônia, que aconteceu na Emef “Prof. Firmino Octávio do Espírito Santo Júnior”, contou com a presença dos pais e familiares dos formandos, além do corpo docente e funcionários da escola.

Em seu discurso, o vice-prefeito destacou a importância desta educação preventiva ao uso das drogas, uma vez que os jovens têm seu primeiro contato com o tóxico e se tornam dependentes, cada vez mais cedo. Neto Beluci enalteceu a importância desta parceria entre o Poder Público e a Polícia Militar, visando erradicar o uso de drogas em nossa cidade, não só entre as crianças e os jovens, mas em todas as faixas etárias. Neto disse ainda, que a droga não destrói a vida somente do usuário, mas também causa danos irreparáveis a toda sua família.

Formaturas

A Secretaria Municipal de Educação e a Polícia Militar realizam durante todo este mês de junho, nas unidades escolares de Ensino Fundamental, a formatura do 1º semestre do Proerd, dos alunos do 5º ano.

A cerimônia vem sendo conduzida pelos instrutores do Proerd, Soldado PM Liecy Assis de Jesus e Soldado PM Marcelo de Oliveira Cruz, com a participação da comunidade escolar e local.

O Proerd é um programa de educação preventiva ao uso de drogas. O Programa ensina técnicas centradas na resistência à pressão dos companheiros auxiliando as crianças a dizerem não às drogas.

Programa eminentemente preventivo, estratégico, seu objetivo principal é educar as crianças em seu meio natural, a escola, com o auxílio de policiais fardados e professores. Aplicado nas escolas, o Proerd é desenvolvido pela Polícia Militar em parceria com as unidades escolares e direciona-se às crianças de 9 a 12 anos.

As lições têm como objetivo o desenvolvimento da auto-estima, controle das tensões, civilidade, além de ensinar técnicas de autocontrole e resistência às pressões dos companheiros e às formas de oferecimento das drogas por pessoas estranhas ao convívio das crianças e adolescentes. O sucesso do programa depende de um perfeito entrosamento entre escola, família e polícia.


Texto: Fábio Navarro