Widget Image
Secretarias
19/09/2019
HomeCulturaMAHMI amplia acervo com repatriação digital e lote de obras doadas pelo ItaúCultural

MAHMI amplia acervo com repatriação digital e lote de obras doadas pelo ItaúCultural

O Museu e Arquivo Histórico Municipal de Itu “Synésio de Sampaio Góes” – MAHMI, mantido pela Prefeitura da Estância Turística de Itu, comunica duas significativas conquistas para o enriquecimento de seu acervo.

No início deste mês, o MAHMI realizou a Repatriação Digital de um compêndio de documentos diretamente relacionados a Itu que pertencem às coleções da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro. O trabalho é o resultado de extensa pesquisa e  levantamentos realizados pelo Dr. Emerson R. Castilho – que atua como Diretor de Patrimônio Cultural e Diretor do MAHMI em Itu; junto aos diversos departamentos da Biblioteca Nacional de: Documentação, Obras Raras, Cartografia e Iconografia. De todo conteúdo repatriado relacionado a Itu, somente a divisão de Música não pode ser contemplada por problemas técnicos.

Recentemente o MAHMI também venceu o edital proposto pelo Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM, que mediou a doação de um amplo lote de obras de arte do Instituto Itaú Cultural para os museus públicos brasileiros. Na semana passada, foram entregues as 37 obras doadas aos ituanos, que agora passam a pertencer ao município e estão passando pelos processos de musealização e patrimonialização, para serem em breve exibidas ao público.

Entre as obras de artes há: óleos, desenhos, aquarelas, gravuras, serigrafias entre outras técnicas variadas de artistas como: Roberto Burle Marx, Eduardo Iglesias, Gino Bruno, Guyer Salles, Vicente Kutka, Masumi Tsuchimoto, Sônia Von Brusky, entre outros. O empenho da Secretaria Municipal de Cultura e do Patrimônio Histórico, que redigiu o Plano Museológico especialmente para esta concorrência, foi imprescindível para a vitória do edital.

Post Tags