Widget Image
Secretarias
23/10/2021
HomeCulturaItu recebe prêmio Juntos pela Cultura

Itu recebe prêmio Juntos pela Cultura

O prefeito Guilherme Gazzola e a secretária municipal de Cultura e do Patrimônio Histórico, Maitê Velho, receberam das mãos do governador João Dória a premiação do Juntos pela Cultura, em cerimônia realizada no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, nesta terça-feira (13/07). Itu foi contemplada nas plataformas Revelando SP, Mais Gestão SP e Mais Orgulho.

Pelo edital Revelando SP, Itu foi contemplado nos projetos Viola Caipira (Mestre Bene) e Desafio cantado e trovado (Nenê do Cururu); pelo Mais Gestão SP – Capacitação em Economia Criativa para Municípios ficou entre as 40 cidades paulistas selecionadas; e pelo +Orgulho foi contemplado pelo Coletivo da Diversidade Sexual de Itu (Codisei) em parceria com o governo municipal. No total foram 12 chamadas públicas, R$ 10,6 milhões, 2612 projetos inscritos, 853 selecionados sendo 524 deles de 161 prefeituras, ou seja 9,6mil artistas beneficiados.

Este prêmio vem alicerçar a valorização dos nossos artistas ituanos que preservam suas identidades através do tempo. O reconhecimento da cultura popular é um grande incentivo à preservação das nossas raízes”, comentou Maitê Velho.

Durante a cerimônia o secretário de estado de Cultura destacou a importância desse setor. “Trabalhamos para elevar a geração de renda e geração emprego no setor cultural, mais cultura significa mais educação, mais saúde, mais segurança, mais turismo e no final das contas mais desenvolvimento para todos. E espero que a gente consiga fazer em 2022 um Juntos pela Cultura ainda maior, com mais prefeituras comtempladas, fortalecendo a cultura em todo o estado de São Paulo”, destacou o secretário de Cultura, Sérgio Sá Leitão.

O evento ainda contou com as presenças do presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Carlão Pignatari, o ex-ministro da Justiça e atual presidente da Amigos da Arte, José Gregori, o secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e também representando a secretaria de Cultura e do Patrimônio Histórico de Itu, a chefe de artes da Sabrina Souli e o diretor de economia criativa de Felipe Cavalheiro.