Widget Image
Secretarias
21/05/2019
HomeGestões AnterioresItu inicia reforço de 2 milhões de litros de água por dia para cumprir racionamento

Itu inicia reforço de 2 milhões de litros de água por dia para cumprir racionamento

Ação foi determinada pelo prefeito Tuíze durante reunião com os responsáveis pelo sistema de abastecimento
 
A partir desta sexta-feira (22/08), a rede pública de abastecimento de água de Itu passa a contar com um reforço de 2 milhões de litros por dia. A medida é resultado da primeira reunião de trabalho entre o prefeito Antonio Tuíze, Agência Reguladora e representantes da empresa Águas de Itu e do Grupo Águas do Brasil, ocorrida na terça-feira (19/08). Na mesma data houve, durante uma coletiva de imprensa, o anúncio oficial do processo de aquisição da concessionária de Itu pela holding que atua em três estados e 15 municípios.

Esse volume de água começou a chegar na cidade nas primeiras horas do dia, trazido por uma frota de caminhões-pipa, alimentando diretamente a ETA (Estação de Tratamento de Água) 1 no Rancho Grande. O objetivo desta medida é cumprir o cronograma de abastecimento proposto pela concessionária dos serviços de água no município. Segundo o coordenador operacional da Águas de Itu, Maurício Camilo, estão sendo investidos cerca de R$ 40 mil por dia para a aquisição dos 2 milhões de litros.

Além deste incremento, outras providências estão previstas para superar a falta de água em Itu, após mais de 9 meses sem chuvas em escala significativa. Foram anunciados investimentos de R$ 30 milhões para aumentar a vazão de água no município com a captação nos ribeirões Mombaça e Pau D’Alho, desassoreamento das represas Fubaleiro e Itaim e a ampliação e melhoria na qualidade do atendimento aos munícipes.

As obras terão início após outorga expedida pelo DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) e licenças emitidas pela Cetesb  (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). O abastecimento adicional de 2 milhões de litros/dia manterá o racionamento enquanto a interligação do sistema aos novos pontos de captação não ocorrer.

Fotos: Daniel Assis de Alcântara/Prefeitura de Itu