Widget Image
Secretarias
05/12/2021
HomeCulturaRestauro da Igreja Matriz foi tema de palestra em Itu

Restauro da Igreja Matriz foi tema de palestra em Itu

Na noite da última quinta-feira (15/08) a igreja Matriz de Nossa Senhora da Candelária sediou uma palestra sobre as intervenções de restauro que estão acontecendo no local, ministrada pelo arquiteto Alberto Magno de Arruda.

Na ocasião, além de explicar todo processo de restauro da igreja que começou em 2001, também foi falado sobre a cidade e as várias edificações da matriz e as técnicas de restauro utilizadas.

Compareceram dois representantes da Curadoria da Igreja Matriz, Adilson Groblackner e José Luís Benedetti, estudantes de arquitetura e educação artística e pessoas da comunidade e Conselho de Cultura

A palestra compõe a Semana do Patrimônio realizada pela Secretaria Municipal de Cultura de Itu em parceria com o Museu Republicano Convenção de Itu/Museu Paulista, Museu da Energia Itu, Museu da Música Itu e Paróquia Nossa Senhora Candelária.

Já nesta sexta-feira (16/08), a partir das 19h30, no Espaço Fábrica São Luiz, acontece o encerrando da Semana do Patrimônio com as apresentações da Orquestra Ituana de Viola Caipira e o Coral Vozes de Itu, com a performance “Raízes da Terra Paulista”, que resgata a música de raiz valorizando a cultura tradicional paulista com suas origens indígena, africana e europeia, trazendo ao público um sentimento de pertencimento à essa cultura regional caipira.

Esta performance foi criada em 2005, especialmente para o lançamento da exposição  “Terra Paulista – Histórias, Arte, Costumes”, no Sesc Pompéia, na cidade de São Paulo, que apresentou um panorama da história, da arte e dos costumes paulistas, desde os primeiros encontros com os grupos indígenas brasileiros e os portugueses, até as manifestações culturais contemporâneas, como as festas e o artesanato.

A orquestra Ituana de Viola Caipira possui aproximadamente 50 músicos e um grande diferencial quando comparada com outras orquestras de viola caipira. A orquestra ituana conta com quatro afinações distintas: Cebolão em Mi, Cebolão em Ré, Sol Maior e Do Maior, estas duas últimas conhecidas popularmente como Rio Abaixo e Rio Acima que conferem uma sonoridade muito rica quando comparada às orquestras de afinação única.

As apresentações são gratuitas e o Espaço Fábrica São Luiz fica na Rua Paula Souza, 942, Centro, Itu.

Texto e Fotos: Renata Guarnieri e Secretaria Municipal de Cultura de Itu